Posted by: Marcela Bonazzi | June 30, 2009

Instinto Materno

instinto materno

O instinto de cuidar e ajudar

Tem gente que não acredita quando eu digo que nasci para ser mãe, mas quem passa a me conhecer tem cada vez mais certeza disso. Uma parte grande de mim, talvez a maior de todas, é uma grande mãezona.

Não adianta: toda viagem, todo passeio ou até mesmo no dia a dia, sou eu quem pensa nos detalhes que geralmente sua mãe pensaria. Um exemplo: adivinha quem leva lanche para a Sis na redação todos os dias, só para garantir que ela não vai ficar com fome e ter um ataque de enxaqueca depois? Quem chutou ‘eu’ acertou! E acredite, isso é só o começo.

Sabe quando dizem que mãe vira fera quando atacam sua cria? Pois é, mexe com alguém que eu amo pra você ver… Vai ouvir o que quer e o que não quer, isso se eu não for um pouco mais agressiva. Não vou partir pra violência, mas você não quer me ver brava, acredite.

E ver alguém doente? Não posso de jeito maneira. Parece que um instinto enfermeira surge do âmago do meu ser e me domina, e tudo o que eu penso é o que fazer para que a pessoa melhore o mais rápido possível. Já fiquei sem dormir, já segurei desmaio, já passei o dia de plantão do lado da pessoa, já fiz cafuné, fiz de tudo. Assim que tenho certeza que a pessoa melhorou eu relaxo, mas só depois disso, claro.

Cuidei de todos os meus primos bebês, coloquei para dormir, troquei fralda, dei mamadeira. Cuidei de irmão operado, amiga com ataque nervoso e Sis em estado mais gripal que os porcos atualmente. Já tomei lugar de mãe algumas vezes, na falta das mesmas. Deixo o que estiver fazendo de lado para ajudar quem eu amo, faço o que for para ver essas pessoas felizes e bem.

Pode até ser que alguém leia isso e diga que é normal, que todo amigo é assim. Eu discordo. Sou muito passional quando o assunto são as pessoas que eu amo, e vou me virar do avesso para ajuda-los, assim como uma mãe faria.

Por que eu faço tudo isso? Como eu já disse, é maior que eu. Não é algo controlado. Eu vou parar o meu final de semana para levar almoço para alguém, eu vou passar a madrugada acordada rezando para minha amiga melhorar e parar de desmaiar, eu vou acordar num pulo no meio da noite quando minha priminha chorar, vou pegar ela no colo e ninar até ela dormir. Essa sou eu.

Mais que isso, sei que se um dia eu precisar de alguém eu vou ter meus amigos, meus primos (já não tão bebês), meu namorado, minha família. Vou ter todos cuidando de mim, até que eu esteja bem. Vale a pena ser “mãe”, por isso vale muito a pena.


Responses

  1. Sabe quando você lê algo muito legal e do nada você para e pensa: mewwwwww será que agora ela tá falando de mim!
    Sim…certeza que você, também, lembrou de mim quando escreveu isso! hahahaha
    Eu cansei de dizer que o 3305 não seria a mesma coisa sem vc…vc foi (e é) muito importante pra mim! cuidou de mim como uma mãe!!!!!!!!Minha mãe sempre fala que ela é eternamente grata por vc ter cuidado de mim! amo vc

  2. E eu não tenho dúvida, vc banca a mãe até da chefinha aqui… é cada bronca que eu levo, rsrs, mas no fundo adoro essa preocupação toda, minha prefeirda!

  3. Tá tá tá!!! Essa parte sua não conhecia! Muito bom saber que você tem esse lado mãe! Sou assim também, não tão assim quanto você rsrsrs! É sempre bom esse nosso lado, nos dá força, fortalece e também nos faz sentir bem! Adimiro que tem essa qualidade, adimiro quem se preocupa com os outros que ama e adimiro quem gosta de fazer o bem ao próximo! Mandou bem retransmitindo uma qualidade sua! Beijos Beijos

  4. Uhul!!! Viva a Sis…o que seria de mim sem seus lanchinhos, eu não sei!
    mas sabe que o sentimento é recíproco, né? Sis Doente? Não me aguento, morro de preocupação até ter certeza absoluta que você tá bem!
    Mas, acho que faz parte!
    Amo vc, mãezona!

    ps: CARA tenho certeza que já tive a gripe suína, não é possível!

  5. Morrendo de saudades e lembrando de todas as broncas que você me deu quando eu tava com a minha “tuberculose”…. todos as broncas pq eu nao me cuidava e tudo mais…
    amooooooo

  6. Concordo totalmente com esse post! Você é mãezona demais!! É muito bonito ver que ainda existem pessoas com essa capacidade de se doar desse jeito. Admiro mesmo!
    Beeeijooo luv yaa!


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Categories

%d bloggers like this: